Pesquisar neste blog

7 de mai de 2014

AL - Prêmio da Nota Fiscal Alagoana do Dia das Mães sorteia R$ 400 mil



Curso de Faturamento – www.carlosalbertogama.com.br








Evellyn Pimentel

Quatrocentos mil reais. Este é o total de prêmios que a Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL), por intermédio do programa Nota Fiscal Alagoana, sorteará nesta sexta-feira (09), às 11 horas da manhã, entre os consumidores cadastrados. Para as mamães alagoanas, a festa vai ser em dose dupla, já que o 25º sorteio do programa comemora o Dia das Mães.

A Sefaz contemplará os consumidores com três prêmios principais: R$ 50 mil, R$ 20 mil e R$ 10 mil, além de cento e cinquenta prêmios de R$ 500,00, cinco mil bonificações de R$ 25,00 e outras doze mil de R$ 10,00, totalizando 17.153 premiações.

Concorrem, nesta edição, 68.745 consumidores com documentos fiscais emitidos entre 1º de janeiro e 28 de fevereiro deste ano. O sorteio terá por base o resultado da Loteria Federal extração Nº 04864. Os bilhetes participantes, um total de 740.813, foram gerados na última sexta-feira (2) e podem ser conferidos no site www.sefaz.al.gov.br/nfa.

Cada bilhete equivale a um total de R$ 100 em compras, das quais o consumidor solicitou a inclusão de CPF ou CNPJ no documento fiscal. O bilhete com numeração exclusiva é gerado para sorteio; cada consumidor pode concorrer aos prêmios em dinheiro com mais de um bilhete. Quanto mais cupons fiscais com o CPF o consumidor tiver, mais  chances terão para ganhar os prêmios.

Para participar do programa Nota Fiscal Alagoana (NFA) e concorrer a prêmios em dinheiro, basta realizar o cadastro por intermédio do site www.sefaz.al.gov.br/nfa

No sistema, o consumidor informará alguns dados e obterá senha para ter acesso a todas as informações referentes ao programa, como o total do crédito a que terá direito, a forma de como gostaria de utilizar o crédito, as notas fiscais de venda ao consumidor, cupons fiscais em que indicou seu CPF, impressão dos documentos fiscais e acompanhamento das reclamações registradas.

Além disso, o consumidor deve continuar a pedir documentos fiscais com a inclusão do CPF ou do CNPJ no ato das compras.


Fonte: Agência AL


Cursos, livros e apostila na área de faturamento – www.carlosalbertogama.com.br
Recebas nossas atualizações no Facebook, clique aqui
Editado por Carlos Gama

Recomendamos:
Portal Universidade SPED – www.unisped.com.br / Matérias e Notícias sobre SPED
Blog do Carlos Gama – www.carlosgama.net / Matérias e notícias na área tributária
Fórum Contadores – www.forumcontadores.com.br / Matérias e notícias da área contábil

Nenhum comentário:

Postar um comentário