Pesquisar neste blog

9 de jul de 2013

RS - Rede Walmart passa a emitir Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica


A Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) e o Walmart Brasil emitiram, nesta quarta-feira (26), a primeira Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e) de uma rede de supermercados no país. Com o novo sistema, as informações fiscais vão direto para a Sefaz e o cliente pode receber o documento fiscal por e-mail ou acessando o site da Fazenda, dispensando o papel. 




"É mais um serviço que disponibilizamos para as empresas. Vai trazer economia e racionalização de processos", disse o secretário da Fazenda, Odir Tonollier, durante evento na sede do Maxxi Atacado, em Porto Alegre. De acordo com ele, a Sefaz começou a implantar o sistema pelas grandes redes para dar maior visibilidade e servir de estímulos aos demais comerciantes. "Trata-se de um processo contínuo que, junto com a Nota Fiscal Gaúcha, vai se transformar em uma onda. Quem não emitir nota fiscal vai acabar sendo ‘visado' como sonegador pelo próprio consumidor", acrescentou o titular da Fazenda. 

Para o subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira, o fisco gaúcho sai novamente na frente ao permitir a utilização da NFC-e nas operações de venda a varejo, possibilitando aos comerciantes a modernização e a redução de custos, além de diminuir também a sonegação fiscal. "É um processo mais simples. Permite que, no momento da emissão da nota, ela já seja autorizada em tempo real com a Fazenda. Para a empresa, significa redução de custos, e, para o Estado, maior controle", afirmou.


Simplificação

O diretor de relações institucionais do Walmart Brasil, Carlos Ely, salienta que a empresa adotou parceria com a Secretaria da Fazenda desde o início do projeto. Ele destaca que a simplificação dos processos fiscais é uma das principais reivindicações do comércio brasileiro. "A gente acredita muito, por diversas razões. Primeiro, você acaba com a informalidade porque é um cupom instantâneo. Segundo, ele te dá mais velocidade nas transações, pois elas são online. E isso é muito do que a gente reivindica hoje: um mecanismo que dê mais velocidade à operação fiscal, mais agilidade", disse. 

Eduardo Cidade, gerente de Relações Institucionais do grupo no Rio Grande do Sul, acredita que a modernização dos processos fiscais vai auxiliar também o consumidor: "Essas inovações trazem ganho para a sociedade. No caso do consumidor, ele não precisará mais juntar papel, ele recebe as informações em tempo real, como ocorre, por exemplo, nas transações bancárias", refletiu. 

De acordo com Cidade, assim que o projeto piloto da loja Maxxi Atacados da Assis Brasil for finalizado, será implantado nas outras 11 lojas do Estado. Após, o grupo Walmart deverá seguir o mesmo caminho. 

A emissão da NFE pelo setor varejista nas vendas ao consumidor final substitui a utilização de equipamento dedicado exclusivamente a esse fim. Ao fazer uma compra, o consumidor receberá uma nota fiscal eletrônica, contendo chave de acesso com dígitos, a qual pode ser consultada no site da Sefaz. 



Fonte: Sefaz RS

BLOG DO FATURISTA | www.faturista.blogspot.com.br
Recebas nossas atualizações no Facebook, clique aqui

Blog do Faturista - Editado por Carlos Alberto Gama

Nenhum comentário:

Postar um comentário